Fotos e Artigo Traduzido: Os bastidores de ‘Cyrano’ em NYC – Abril 2022

O site Vulture/NYmag publicou um artigo mostrando os bastidores da peça Cyrano de Bergerac, que está em cartaz atualmente no teatro BAM, em Nova York. As fotos foram feitas por Pari Dukovic, confira todas em nossa galeria:


Confira todas as imagens deste álbum

Artigo traduzido:

Imagine o personagem de Cyrano de Bergerac, e o que você vê primeiro é provavelmente o nariz dele – que é a coisa que o mantém longe de seu amor, Roxane. Então talvez você imagine o boné emplumado do século XVII e o florete. James McAvoy, estrelando uma versão atualizada da peça de Edmond Rostand sobre o lendário contador de histórias francês, não tem nenhuma dessas coisas – apenas seu sotaque escocês nativo, um corte de cabelo e um brilho ardente. O diretor Jamie Lloyd, famoso por reduzir os clássicos (especialmente Pinter) no West End, reconceituou Cyrano em uma tentativa de ver até onde ele poderia levar o público a olhar além das armadilhas enfadonhas e esperadas de um drama de época em versos e se concentrar na própria linguagem. (Um filme musical recente estrelado por Peter Dinklage e sua performance no palco também acabou com o nariz, mas manteve um cenário suntuoso de época.)

Cyrano, do diretor Lloyd, foi exibida pela primeira vez no West End em 2019 e recebeu ótimas críticas celebrando a destreza da tradução moderna de Martin Crimp, que traz elementos de poesia slam e rap para os versos de Rostand, e a performance totalmente emocional de McAvoy. Um longo atraso na pandemia e uma repetição em Londres (mais uma parada em Glasgow) depois, Cyrano chegou à América. “Eu não sou Cyrano, mas a maneira como estou interpretando Cyrano é como se eu estivesse realmente com raiva, solitário e inseguro sobre minha aparência”, McAvoy disse na tarde seguinte à noite de estreia em Nova York (em 5 de abril).

Sentindo o Espaço
O dia começa no ensaio com Jamie Lloyd, James McAvoy e o elenco se ajustando ao palco mais amplo do BAM Harvey Theatre, mapeando o quanto se espalhar para acomodá-lo. “Este teatro tem sua própria vibração”, diz McAvoy. “Os silêncios nele são incríveis.”

“Fizemos isso em quatro teatros, e cada um nos deu um relacionamento um pouco diferente com o público.”

Reabastecimento
No meio do dia, McAvoy engole um pouco de frango assado e batatas fritas do Chicken Stop na rua, “do qual eu gosto bastante”. É um caso precipitado. “Gosto de jantar bem rápido” após o ensaio, diz ele, para deixar tempo para descansar e se recuperar antes de se preparar para o show.

Nesta adaptação, os personagens de Cyrano usam roupas modernas como seus atores. “As botas no show são minhas botas”, diz McAvoy, assim como a camisa em que ele “viveu” por um tempo.

À vontade
“Do jeito que Jamie gosta de ensaiar, é como se estivéssemos fazendo a peça o dia todo.” Assim, para evitar a exaustão total, McAvoy se acomoda em um catre, apropriado para um personagem militar, em seu camarim para um pequeno descanso.

“Eu tento dormir de meia hora a 45 minutos antes de nos aquecermos.”

Palco Central
Muitos dos ensaios de Cyrano se concentraram

Palco Central
Muitos dos ensaios de Cyrano se concentraram nos detalhes do bloqueio intrincado do show. “A maneira como Jaime dirige é tão precisa que, se alguém sair do tempo, desvia o foco de onde o público deveria estar olhando.”

“A maneira como Jaime dirige é tão precisa que, se alguém sair do tempo, desvia o foco de onde o público deveria estar olhando.”

Cérebros e músculos
McAvoy afirma que não havia se exercitado nos sete meses antes de revisitar Cyrano e tornou a volta à forma parte de sua rotina de teatro. “Sou bastante baixo e atarracado, e quando começo a malhar, fico como um tanque, e é assim que quero interpretá-lo – como um tanque.”

“Parte do meu aquecimento será uma rotina de peso corporal, mas o teatro me deu pesos, e agora fazemos barras também.”

Verificação de vibração
Enquanto se exercita e se prepara para o show, McAvoy tem “uma pequena playlist” que o ajuda a canalizar a fanfarronice de Cyrano. “Eu ouço Arctic Monkeys, ouço muito Macklemore e ouço Black Keys e The Streets, tipo, de muito tempo atrás.”

Esportes!
Cyrano depende de personagens interrompendo o verso um do outro, então, para que todos fiquem em sincronia, o elenco joga um jogo: manter uma bola no ar até que todos a toquem e depois jogá-la em um balde, se houver. (Eles tiveram que modificá-lo para algo mais parecido com vôlei quando chegaram à América, sem balde.)

União da equipe
“Todos nós nos divertimos muito jogando o jogo, e isso nos une no mesmo lugar com o mesmo estado de espírito.”

Controle de voz
No palco, McAvoy alterna entre um microfone de mão e um preso ao lado de sua cabeça. Na tradução de Crimp, Cyrano tem monólogos que fluem em resmas de linguagem complexa. “Antes do show, vou repassar algumas das minhas partes maiores.”

“Para esse público, talvez eu precise diminuir um pouco a velocidade, apenas devido ao meu sotaque.” Como Cyrano, ele fala em sua cadência escocesa natural e faz tudo o que pode para dar aos americanos “um pouco mais de vantagem sobre esse som exótico”.

Na versão de Crimp e nesta encenação, McAvoy diz: “Cyrano se torna um exame de autoestima através dos olhos da masculinidade”.

Haribo High
Antes da peça, McAvoy deve completar seu ritual: derrubar um saco de ursinhos de goma Haribo. Ele passa Cyrano andando de um lado para o outro, lutando, cobiçando, declamando. “Foda-me, cara – há muita energia envolvida.”

Montar
Antes que a cortina se levante, o elenco se arruma em seu novo e maior palco, de frente para o público nos minutos iniciais.

Reflexões
Enquanto isso, McAvoy neste momento está sentado no fundo do palco olhando para um espelho, ouvindo os outros personagens falarem mal de Cyrano e seu nariz: “Acho fácil começar a me odiar e vir com um grande peso nos meus ombros”.

Intervalo
Mas, em última análise, “Jamie quer que sejamos nós mesmos”.

“Jamie tirava fotos de nós todos os dias e, no final do ensaio, fomos presenteados com uma versão ligeiramente aumentada do que usaríamos todos os dias.”

Aguardando Suas Flores
Durante a estadia em Glasgow, Lloyd comparou McAvoy a uma estrela do rock sendo saudada por seu povo. “Eu me apego bastante às reações do público”, diz McAvoy. “Há algo ótimo sobre a chamada e resposta.”

Conclusões
McAvoy confere com Lloyd após a primeira apresentação. “Jaime estava em êxtase”, diz McAvoy. “Achei estranho porque é um público diferente, uma reação diferente.” No dia seguinte, eles começarão o ensaio matinal com as anotações de Lloyd. “Ele nos dirá o que fizemos de errado, o que fizemos de certo, provavelmente nos fará bloquear fisicamente de novo porque tenho certeza de que todos estávamos nos lugares errados”, diz ele. “O de sempre!”

Credits/Source: Vulture.
Traduzido por James McAvoy Brasil.